Carolina #8

Às vezes é tão fácil. Às vezes é mesmo fácil, como pegar numa moeda perdida e ver se a raspadinha tem prémio. Fácil fácil como desenhar um coração assimétrico no vidro embaciado do carro. Tão fácil como olhar para ti e saber; saber só e pronto.

Bolas, é difícil. Tão difícil como contar as pétalas de um malmequer sem sequer lhe tocar. Difícil difícil como correr entre os pingos da minha chuva, num dia de sol de toda a outra gente. Difícil, tal como olhar para ti e saber; saber só e pronto.

*Carolina*

4 comentários:

incógnita disse...

Está tao bonito..gostei mt

PR" disse...

Adorei. *.*
Escreves lindamente! ^^

Silvana disse...

muito querido o texto :)

Ana disse...

‘Às vezes é tão fácil. Tão fácil como’ comentar estes posts; comentar ‘só e pronto.’

Mas às vezes é tão difícil, ‘tal como’ comentar estes posts; comentar ‘só e pronto.’



^^

Invisible Woman (55) Alice (49) One more (49) Carolina (37) S. (33) Amy (19) Dee Moon (7)